DAN Medical Frequently Asked Questions

Back to Medical FAQ List
Bookmark and Share

CONUS

Conus sp. são gastrópodes marinhos caracterizados por uma concha cônica e padrões de cores bonitas. Conus sp. possuem um dente semelhante a um arpão capaz de injetar uma neurotoxina potente que pode ser perigosa para os seres humanos.
Existem cerca de 600 diferentes espécies no gênero Conus, todas peçonhentas. Os Conus sp. vivem em recifes rasos parcialmente enterrados sob sedimentos arenosos, rochas ou corais em águas tropicais e subtropicais. Algumas espécies se adaptaram a águas mais frias.As lesões normalmente ocorrem quando o animal é manipulado. Os gastrópodes do gênero Conus picam estendendo um tubo longo e flexível chamado de probóscide e, em seguida, disparando um dente venenoso em forma de arpão (radula).

A picada de um gastrópode do gênero Conus pode causar uma dor leve a moderada, e a área pode desenvolver outros sinais de reação inflamatória aguda como vermelhidão e inchaço. As conotoxinas afetam o sistema nervoso e são capazes de causar paralisia, o que pode levar à insuficiência respiratória e morte.A prevalência e a incidência de acidentes com gastrópodes do gênero Conus é desconhecida, mas provavelmente é uma ocorrência muito rara com mergulhadores e com a população em geral. Os coletores de conchas (profissionais ou amadores) podem ter um risco maior.Se você encontrar um belo gastrópode marinho que se parece com um cone, é provavelmente um gastrópode do gênero Conus. É difícil saber se um Conus sp. habita uma determinada concha, pois eles são capazes de se esconder dentro delas. Como todos os gastrópodes do gênero Conus são venenosos, por segurança não toque em um.Infelizmente, não existe um tratamento específico para acidentes com gastrópodes do gênero Conus. Os primeiros socorros se concentram em controlar a dor, mas não são capazes de influenciar no resultado. O envenenamento não será necessariamente fatal, mas, dependendo da espécie, da quantidade de veneno injetado e do tamanho e da susceptibilidade da vítima, pode ocorrer uma paralisia completa e isso pode levar à morte. A peçonha do Conus sp. é uma mistura de muitas substâncias diferentes, incluindo a tetrodotoxina (TTX).

  1. Limpe o ferimento com água doce e preste os cuidados a um pequeno ferimento.

  2. Aplique a técnica de imobilização por pressão.

    NOTA: A aplicação de calor pode ajudar no controle da dor, mas como a TTX é uma toxina estável ao calor, a aplicação de calor não desnaturará a toxina.

  3. Preste atenção aos sinais e sintomas de paralisia progressiva.

    - Esteja preparado para fornecer ventilação mecânica com um reanimador manual ou com um ventilador acionado manualmente.

    - Não espere por sinais e sintomas de paralisia. Sempre procure uma avaliação no serviço de emergência mais próximo.

    NOTA: O local da picada pode ser indolor e ainda assim ser letalmente tóxico.


Other Features FAQs